Destaque Sindicato — 25 abril 2017

280417greveDirigentes de todas as centrais sindicais brasileiras, e representantes de diversas entidades sindicais, reforçaram a unidade de luta das entidades e definiram que no dia 28 de abril, acontecerão novas manifestações contra as propostas de reforma previdenciária, trabalhista e a terceirização, aprovada pela Câmara dos Deputados e sancionada pelo presidente em exercício, Michel Temer.

No encontro, que aconteceu na sede nacional da União Geral dos Trabalhadores (UGT), no dia 27 de março, os sindicalistas analisaram a grave situação política, social e econômica que o país atravessa e enfatizaram que neste momento, é fundamental que as entidades estejam unidas.

A grande chance que a classe trabalhadora tem para barrar esse desmonte da Previdência Social e a retirada de direitos sociais garantidos na Constituição de 1988 é ameaçar a classe política, ir às ruas, fazer greves e paralisações, cobrar uma posição clara e transparente de cada deputado e senador que votará esses projetos no Congresso Nacional.

Portanto, junte-se a nós. Dia 28 de abril o Brasil vai mostrar sua cara!

Share

About Author

Bel

(0) Readers Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *